NBR ASFALTO MODIFICADO II Viapol - Utilizado como matéria prima para a indústria adesiva especial, massas antiruído. Buscando por NBR ASFALTO MODIFICADO II, Viapol ? Acesse o Costa Lion. COSTA LION|Tudo para sua reforma
Viapol
Model: NBR ASFALTO MODIFICADO II
Product ID: 225
NBR ASFALTO MODIFICADO II Viapol

NBR ASFALTO MODIFICADO II Viapol

Marca: Viapol
Modelo: NBR ASFALTO MODIFICADO II

sobre o produto

 

NBR ASFALTO MODIFICADO II

 

 

Asfalto modificado é um cimento asfáltico, que no processo de industrialização, adquire propriedades específicas para as exigências de desempenho solicitadas na impermeabilização, tais como: propriedades aglutinantes, flexibilidade e durabilidade. Em temperatura ambiente, possui característica sólida, mas por ser um material termoplástico, sua consistência varia em função da temperatura de aquecimento, podendo ser mais ou menos fluído.

 

 

Embalagens

 

Bloco: 1,5 Kg - pacote: 4 unidades;
Bloco: 15 Kg - Pallet: 40 Blocos;
Saco: 25 Kg - Pallet: 20 blocos;
Tambor: 180 Kg;
Carro tanque aquecido com mínimo: 18 ton.

 

 

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

 

ºC 75-95 0,1 mm 20 - 35 cm - ºC mín. 235 % máx. 1 mín. 99

Característica Unidade NBR II
Ponto de amolecimento ºC 75-95
Penetração (25 ºC, 100g, 5 seg.) 0,1 mm 20 - 35
Ductibilidade (25 ºC, 5 cm/mín.) cm -
Ponto de fulgor ºC mín. 235
Perda de aquecimento em massa (163 ºC, 5 hs) % máx. 1
Solubilidade em tricloroetileno % massa mín. 99

 

UTILIZAÇÃO

• O NBR II é utilizado como matéria prima para a indústria adesiva especial, massas antiruído e para calafetação, além de adesivo para revestimento térmico.

• É utilizado como sistema de impermeabilização moldado in loco e para colagem de mantas asfálticas, como também para rejuntamento de pavimentos de placas de concreto.

• Para outras utilizações e aplicações, consulte o departamento técnico (sac@viapol.com.br).

 

PREPARAÇÃO DA SUPERFÍCIE

• A superfície deve ser previamente lavada, isenta de pó, areia, resíduos de óleo, graxa, desmoldante, entre outros.

• Sobre a superfície horizontal úmida, execute a regularização com caimento mínimo de 1% em direção aos pontos de escoamento de água, preparada com argamassa de cimento e areia média, traço 1:3. Utilize água de amassamento composta de 1 volume de emulsão adesiva Viafix e 2 volumes de água para maior aderência ao substrato. Esta argamassa deverá ter acabamento desempenado, com espessura mínima de 2cm.

• Aplique uma demão de primer asfáltico (Viabit ou Adeflex) em toda a superfície que será impermeabilizada e aguarde a secagem pelo período recomendado para cada primer.

 

PREPARAÇÃO DO MATERIAL (AQUECIMENTO)

• O asfalto NBR II é aplicado após fusão e requer cuidados especiais para aquecimento.

• Evite temperatura superior a 200ºC. O aquecimento do asfalto NBR II deve ser entre 160º a 190ºC, utilizando aquecedor de asfalto elétrico ou a gás, com termômetro para controle da temperatura. O aquecimento por chama direta não é recomendado.

 

APLICAÇÃO DO PRODUTO

• Aplique o asfalto NBR II com brocha ou meada, em uma demão com espessura de aproximadamente 2 mm, e alinhe o estruturante (véu de fibra de vidro ou poliéster) sobre a camada aplicada. Continue a aplicação até atingir o consumo pré-determinado.

• Finalizada a impermeabilização, aguarde um período de 12 horas e realize o teste de estanqueidade por no mínimo 72 horas. Execute a proteção mecânica de acordo com as normas e especificações técnicas recomendadas.

• Em áreas sem trânsito pode-se substituir a proteção mecânica por pintura refletiva (Tintacryl, Viaflex Banco, Vedalage).

 

COLAGEM DE MANTA ASFÁLTICA

• Alinhe a manta asfáltica em função do requadramento da área, procurando iniciar a colagem no sentido dos ralos para as cotas mais elevadas.

• Aplique uma demão do NBR II com aproximadamente 2mm de espessura, desenrolando simultaneamente a 1ª manta asfáltica sobre a superfície do asfalto. Atente-se sempre em deixar um excesso de asfalto na frente do rolo.

• Aplique forte pressão sobre a manta do centro para fora, a fim de expulsar bolhas de ar retidas entre a manta e a superfície.

• Todas as mantas deverão ser sobrepostas em 10 cm. O asfalto deve ser aplicado também nas sobreposições e o excesso de asfalto é necessário para garantir uma perfeita fusão entre as mantas, resultando num cordão de asfalto sobre a emenda.

• Coloque as mantas na posição horizontal, subindo 10cm na posição vertical.

• Após a aplicação da manta asfáltica, faça o teste de estanqueidade, enchendo os locais impermeabilizados com água, mantendo o nível por no mínimo 72 horas.

• Aplique um banho de asfalto sobre todas as emendas para reforço e correção de possíveis falhas de colagem da manta.

 

RECOMENDAÇÕES DE APLICAÇÃO

• O produto deve ser utilizado por profissionais com conhecimento em cada área de aplicação;

• Recomenda-se não aplicar o produto em tempo chuvoso e substrato molhado. Deve-se evitar também a aplicação sobre marcações existentes como pinturas, termoplásticos e outros.

• Por ser um produto aplicado sob ação de temperatura, utilize vestimentas e EPI’s adequados

 

RECOMENDAÇÕES DE SEGURANÇA

• Antes de iniciar o trabalho consulte a FISPQ do produto.

• Durante a aplicação, principalmente em ambientes fechados, utilize EPI´s adequados: luvas de raspas, botas, magotes, óculos de segurança, mantendo o ambiente ventilado até a secagem completa do produto.

• Em ambientes fechados é obrigatório o uso da ventilação forçada e máscara semifacial com filtro adequado para vapores orgânicos.

• Limpe as ferramentas e equipamentos com solvente orgânico, como xilol.

 

CUIDADOS AMBIENTAIS

Evite o derramamento do produto no solo. Caso aconteça, providencie a contenção, evitando a contaminação em área de preservação permanente, cursos de água, bueiros, etc.

Realize o descarte em local apropriado e regulamentado de acordo com a legislação vigente do meio ambiental estadual.

 

PRIMEIROS SOCORROS

• Em caso de contato com a pele, resfrie imediatamente com água fria, até que ocorra o endurecimento e resfriamento do produto. Cubra a queimadura e procure orientação médica.

• Em caso de intoxicação por inalação, remova a vítima para um local arejado e procure assistência médica imediatamente.

• No caso de contato com os olhos, lave com água potável em abundância por no mínimo 15 minutos e procure orientação médica.

• Para eventuais irritações da pele, olhos ou ingestão do produto, procure orientação médica, informando o tipo de produto.

 

EMPILHAMENTO

Empilhe o produto sobre paletes evitando o contato com o piso e não exceda 1 metro no empilhamento. As embalagens deverão ser colocadas de forma intertravadas (intercaladas)para evitar desmoronamento do estoque ou danos com o produto. Não apoie as pilhas do produto contra paredes ou divisórias.

 

ESTOCAGEM

• A validade do produto é de 12 meses a partir da data de fabricação.

• O produto deve ser armazenado em local coberto, ventilado, seco, longe de fontes de calor, fora do alcance de crianças e animais, e nas embalagens originais e intactas.

• A temperatura máxima para armazenagem é de 40ºC.

 

CONSUMO

Mínimo recomendado para juntas
Junta de proteção mecânica (1x1 cm) 0,150 kg/m/linear
Mínimo recomendado moldado in loco
Áreas enterradas 3,0 kg/m²
Áreas Frias 3,0 kg/m² (1,1 m²/m² - reforço têxtil)
Lajes externas 6,0 kg/m² (2,2 m²/m² - reforço têxtil)
Câmaras Frigoríficas e Isolações 3,0 kg/m² (1,1 m²/m² - reforço têxtil)
Mínimo recomendado para colagem de manta asfáltica
Manta única 3,0 kg/m²
Dupla Manta 6,0 kg/m²

 

NORMALIZAÇÃO

• NBR 9910/2002 – Asfaltos modificados para impermeabilização sem adição de polímeros – características de desempenho.

• NBR 9574/2008 – Execução de impermeabilização.

 

Nota

As informações contidas nesta ficha são baseadas em nosso conhecimento para a sua ajuda e orientação. Salientamos que o desempenho dos nossos produtos depende das condições de preparo de superfície, aplicação e estocagem, que não estão sob nossos cuidados. O rendimento prático depende da técnica de aplicação, das condições do equipamento e da superfície a ser revestida. Não assumimos assim, qualquer responsabilidade relativa ao rendimento e ao desempenho de qualquer natureza em decorrência do uso indevido do produto. Para maiores esclarecimentos consultar nosso departamento técnico.

A Viapol reserva-se o direito de mudar as especificações ou informações contidas nesta ficha sem prévio aviso.

 

DOWNLOADS

- Ficha Técnica NBR Asfalto Modificado II     Download

 

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características